UM PIANO NAS BARRICADAS - MARCELLO TARÌ - COEDIÇÃO GLAC E N-1 EDIÇÕES

Código: 9786580421046
R$ 59,40
Comprar Estoque: Disponível
  • R$ 59,40 PagSeguro
* Este prazo de entrega está considerando a disponibilidade do produto + prazo de entrega.

Nos turbinados dos filmes sociais e políticos dos anos 1970 na Itália, a Autonomia é apresentada como um método intermediário entre Marx e a antipsiquiatria, a Comuna de Paris e a contracultura, o dadaísmo e o insurrecionalismo, o operaísmo com o feminismo e muitas coisas com outras muitas coisas. Mas, acima disso tudo, a Autonomia apresentou uma descontinuidade profunda com a prática do Movimento Operário oficial. Não era e nunca foi uma organização, mas uma multiplicidade que se organizava a partir de onde residia, trabalhava ou estudava os sujeitos que a deram forma. Na Autonomia, de fato, muitas autonomias específicas surgiram e coexistiram: dos operários, dos estudantes, das mulheres, dos homossexuais, dos prisioneiros, melhor, de qualquer um que escolhesse, a partir de suas próprias contradições, o caminho da luta contra o trabalho assalariado e o Estado, ou seja, um modo reluzente de subversão da vida. Se o Movimento dos anos setenta acabou sucumbindo às forças combinadas da máquina estatal e do Partido Comunista, a história da autonomia destaca-se desse contexto, pois é a de uma aventura revolucionária cuja incandescência atual é mais relevante do que nunca. As relações entre Autonomia e os demais movimentos da extrema esquerda italiana - de Potere Operaio a Lotta Continua, de Lotta Communista ao Manifesto - são explicadas em teoria e ação. Como os grandes momentos da autonomia - um comunismo "impuro", que reúne Marx e a antipsiquiatria, a Comuna de Paris e a contracultura americana, dadaísmo e insurrecionalismo, trabalhadorismo e feminismo". Tarì nunca escreve que autonomia foi o nome de uma organização: deve-se sempre referir-se às autonomias, das trabalhadoras, dos estudantes, das mulheres, dos homossexuais, dos prisioneiros, das crianças "de quem teria escolhido o caminho de a luta contra o trabalho e contra o Estado, a secessão com a fantasia da sociedade civil e a subversão da vida em conjunto com os outros”. E se o movimento acaba sucumbindo sob as forças combinadas da máquina estatal e do Partido Comunista, sua história é a de uma aventura revolucionária cuja incandescência está mais do que nunca presente nos nossos dias.

Produtos relacionados

R$ 59,40
Comprar Estoque: Disponível
Sobre a loja

Livros-objeto entre a filosofia, o teatro, a estética, a literatura, a antropologia e a política

Social
Pague com
  • PagSeguro V2
Selos
  • Site Seguro

N-1 EDIÇÕES LTDA ME - CNPJ: 16.509.486/0001-28 © Todos os direitos reservados. 2020


Para continuar, informe seu e-mail